Home / Destaques / Barreiras sanitárias vão fiscalizar entradas de Campo Grande por mais 15 dias

Barreiras sanitárias vão fiscalizar entradas de Campo Grande por mais 15 dias

Prefeito Marquinhos Trad (PSD) disse que vai manter bloqueio diante da escalada no número de casos no interior

Caminhoneiro é abordado em barreira sanitária na Capital (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo) 

A Prefeitura de Campo Grande vai manter as barreiras sanitárias nas entradas da cidade por mais 15 dias. O prefeito Marquinhos Trad (PSD) disse, na transmissão ao vivo da tarde desta terça-feira (23), que vai manter a fiscalização diante a escalada das confirmações do coronavírus no interior.

Conforme o último boletim epidemiológico, divulgado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde) às 10h30 de hoje, dos 5.794 casos do novo vírus confirmados em Mato Grosso do Sul, 1.338 são na Capital e 4.446 no interior.

Até agora, segundo Marquinhos, 38 mil veículos e 77 mil pessoas passaram pelas barreiras sanitárias da Capital. Deste total de pessoas abordadas, 141 relataram ter sintomas respiratórios, passaram pelo teste e 20 tiveram resultado positivo, mas nenhuma delas precisou de socorro médico.

No dia 13 deste mês, a prefeitura anunciou o primeiro caso identificado nas barreiras. Segundo o prefeito, o paciente foi “imediatamente rastreado e considerado curado porque não tinha o vírus ativo no organismo”.

 

fonte: campograndenews
Espalhe por ai:

Veja Também

MS tem 406 pacientes internados com a covid e Saúde pede “medidas restritivas”

Durante live, titular da Secretaria Estadual de Saúde pediu a gestores municipais medidas como toque ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.