Brasil derrota França e está na decisão da Liga das Nações de vôlei

Seleção comandada por Renan Dal Zotto encara Polônia na final

Brasil encara a Polônia na final da Liga das Nações – Foto: Divulgação / FIVB

 

A seleção masculina de vôlei não tomou conhecimento da França neste sábado (26), batendo os adversários por 3 sets a 0 (25/20, 25/18 e 25/19) e se classificando para a grande final da Liga das Nações, que está sendo disputada em Rimini (Itália).

Na decisão, o Brasil encara a Polônia, a partir das 10h (horário de Brasília) deste domingo.

A seleção francesa foi a um dos únicos dois times a derrotar o Brasil na fase de classificação (venceu por 3 a 0 no dia 3 de junho).

A vaga na final e a possibilidade de devolver o resultado fizeram o Brasil exibir um grande voleibol, com destaque para o ponteiro cubano naturalizado brasileiro Yoandy Leal, autor de 20 pontos.

Em 1h36min, o time do técnico Renan Dal Zotto conseguiu dar o troco e garantir um lugar na decisão.

Pouco depois, a Polônia bateu a Eslovênia por 3 a 0 e se classificou à final. Na primeira fase, o Brasil derrotou os poloneses também por 3 a 0.

Neste domingo, a seleção masculina busca um título inédito. Vale lembrar que a Liga das Nações está apenas em sua terceira edição.

Nas duas primeiras, o Brasil terminou em quarto. No entanto, a competição sucedeu a Liga Mundial, torneio do qual o Brasil foi o maior vencedor, com nove títulos.

O último foi conquistado em 2010.

fonte: correiodoestado
Espalhe por ai:

Veja Também

Governo amplia vagas e destina R$ 3,8 milhões para atletas e técnicos de MS

Número de vagas aumentou 45%, de acordo com publicação no Diário Oficial desta quinta-feira   ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.