Campo Grande sai da bandeira cinza e toque de recolher terá nova alteração

Restrições surtiram efeito e Mato Grosso do sul não tem cidades em grau extremo

Maioria das cidades do Estado estão na bandeira vermelha – Foto: Divulgação

 

As restrições mais rígidas começaram a surtir efeito em Mato Grosso do Sul e nenhum município do Estado está no grau de risco extremo de contaminação da Covid-19, classificado pela bandeira cinza.

Na última atualização, Campo Grande e Itaquiraí estavam nessa faixa, mas regrediram para a bandeira vermelha, que é o grau de risco alto.

É o que aponta o boletim do Programa de Saúde e Segurança da Economia (Prosseguir) divulgado nesta quarta-feira (28).

Conforme o Prosseguir, para os municípios da bandeira vermelha, entre as recomendações está o toque de recolher das 21h às 5h.

Desta forma, deve haver alteração na Capital e em Itaquiraí, onde a proibição de circulação e fechamento de estabelecimentos não essenciais estava começando às 20h.

Últimas notícias

Conforme o mapa situacional, Mato Grosso do Sul tem 58 municípios na bandeira vermelha, de risco alto, o que representa que, além de dois que regrediram, outros nove tiveram piora na situação pandêmica no comparativo com o boletim anterior.

Há ainda 20 cidades na bandeira laranja, de grau médio, e uma na bandeira amarela, de grau tolerável, sendo o município de Nioaque.

Nenhuma cidade se classifica na bandeira verde, de grau baixo da Covid-19.

Conforme o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, entre os indicadores levados em consideração para gerar a classificação do Prosseguir, houve um decréscimo considerável no número de internações, que estava deixando hospitais à beira do colapso.

“Há um declínio que a gente precisa comemorar”, disse. No entanto, os números ainda são preocupantes, principalmente devido à falta de leitos e de medicamentos do chamado kit entubação, que estão escassos no País e podem vir a faltar.

Enquanto a vacina não está disponível para toda a população, a recomendação é que sejam mantidas as medidas de biossegurança, como uso de máscara e distanciamento social.

Classificação

Para gerar a classificação, o Prosseguir avalia indicadores municipais relacionados à disponibilidade de leitos de UTI, quantidade de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s), busca por contatos de casos confirmados, redução da mortalidade por Covid-19, disponibilidade de testes, incidência na população indígena, redução de casos entre profissionais da saúde, redução de novos casos, fronteira ou divisa com estado que tenha aumento de casos e necessidade de expansão de leitos.

Grau alto – bandeira vermelha 

  • Água Clara
  • Alcinópolis
  • Amambai
  • Anastácio
  • Anaurilândia
  • Antônio João
  • Aquidauana
  • Aral Moreira
  • Bandeirantes
  • Bataguassu
  • Bela Vista
  • Bodoquena
  • Bonito
  • Brasilândia
  • Caarapó
  • Camapuã
  • Campo Grande
  • Caracol
  • Cassilândia
  • Chapadão do Sul
  • Corguinho
  • Coronel Sapucaia
  • Costa Rica
  • Dois Irmãos do Buriti
  • Dourados
  • Fátima do Sul
  • Figueirão
  • Glória de Dourados
  • Guia Lopes da Laguna
  • Itaporã
  • Itaquiraí
  • Ivinhema
  • Japorã
  • Jaraguari
  • Jardim
  • Juti
  • Laguna Carapã
  • Maracaju
  • Miranda
  • Nova Alvorada do Sul
  • Nova Andradina
  • Paraíso das Águas
  • Paranaíba
  • Paranhos
  • Pedro Gomes
  • Ponta Porã
  • Porto Murtinho
  • Ribas do Rio Pardo
  • Rio Negro
  • Rio Verde de Mato Grosso
  • São Gabriel do Oeste
  • Selvíria
  • Sete Quedas
  • Sonora
  • Taquarussu
  • Terenos
  • Três Lagoas
  • Vicentina

Grau médio – bandeira laranja

  • Angélica
  • Aparecida do Taboado
  • Bataiporã
  • Corumbá
  • Coxim
  • Deodápolis
  • Douradina
  • Eldorado
  • Iguatemi
  • Inocência
  • Jateí
  • Ladário
  • Mundo Novo
  • Naviraí
  • Novo Horizonte do Sul
  • Rio Brilhante
  • Rochedo
  • Santa Rita do Pardo
  • Sidrolândia
  • Tacuru

Grau tolerável – bandeira amarela

  • Nioaque

fonte: correiodoestado

Espalhe por ai:

Veja Também

Nesta terça, se vacinam contra Covid pessoas com 59 anos e profissionais da Saúde

A vacinação ocorrerá em 20 pontos da Capital   A Prefeitura de Campo Grande vacinará ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.