Home / Destaques / Empresa ganha licitação para reformar Parque Ayrton Senna por R$ 899 mil

Empresa ganha licitação para reformar Parque Ayrton Senna por R$ 899 mil

Estimativa do Secretário de obras de Campo Grande, Rudi Fioresi, é que a reforma comece em setembro

Reforma do complexo aquático, que está desativado, também integra o projeto (Foto: Kisie Ainoã)

 

Das quadras ao complexo aquático, a reforma do Parque Ayrton Senna, em Campo Grande, será conduzida pela empresa RGC, que venceu a licitação com uma oferta de R$ 899,9 mil, valor 25% menor que o preço de referência da concorrência pública, R$ 1.185.841,3. Titular da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos), Rudi Fioresi afirma que as obras devem começar dentro de um mês, em setembro.

O primeiro edital em busca de uma empresa foi lançado em 23 de novembro de 2018. A Prefeitura pretendia estar com os trabalhos iniciados antes do primeiro trimestre, mas a primeira tentativa de contratação não teve firmas habilitadas. Para atrasar ainda mais o processo, houve recurso de empresas interessadas e só agora as propostas foram abertas.

Depois do impasse, participaram da proposta, além da vencedora, a 7 Irmãos, com R$ 967.061,30; a Gomes & Azevedo, que propôs fazer a obra por 1.006.449,72; e ainda a Bodoquena Engenharia, em valor que chegou a R$ 1.025.579,75.

As obras incluem reforma das quadras cobertas, do complexo aquático, que está desativado, e ainda a ampliação do bloco administrativo. Integra um projeto que pretende reformar dez parques de Campo Grande no segundo semestre deste ano, ao custo de R$ 30 milhões.

A administração municipal elegeu os Parques Ayrton Senna, Jaques da Luz, Sóter, Mata do Jacinto, Elias Gadia, Vila Nasser e Horto Florestal, além do término do Estádio de Beisebol, Quadra Esportiva Okinawa e da Praça da Juventude para receberem as intervenções financiadas pela Caixa.

 

fonte: campograndenews
Espalhe por ai:

Veja Também

MS tem 406 pacientes internados com a covid e Saúde pede “medidas restritivas”

Durante live, titular da Secretaria Estadual de Saúde pediu a gestores municipais medidas como toque ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.