Escolas municipais terão aulas com horário especial por conta de greve

Escolas de ensino fundamental não terão intervalo e as de ensino integral só funcionarão até às 11h

 

Escola Municipal Elpídio Reis não servirá merenda. (Foto: Reprodução)

 

De acordo com a Semed (Secretaria Municipal de Educação), as aulas na Reme (Rede Municipal de Ensino) continuam na quinta-feira (31), mesmo com anúncio de greve dos servidores administrativos, mas devem operar com horário diferenciado.

Nas escolas de ensino fundamental não haverá intervalo, com a saída antecipada em 10 minutos. Desta forma, a aula será das 7h às 11h no período matutino e das 13h às 17h no período vespertino.

Já nas escolas de tempo integral, a aula acabará às 11h, e os pais serão comunicados previamente. Nas EMEIs (Escolas Municipais de Educação Infantil), o dia letivo não será alterado.

De acordo com o Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais de Campo Grande), 30% dos servidores vão cumprir a carga horária efetivamente e o restante, 70%, vai participar da concentração na Praça do Rádio, às 9h, e depois seguirão para a Prefeitura, onde ficarão acampados.

Em algumas unidades escolares, os serviços de merenda poderão ficar comprometidos. É o caso da Escola Municipal Elpídio Reis, que enviou um anúncio aos responsáveis pelos estudantes avisando que amanhã não haverá funcionários para preparar a refeição escolar. “Solicitamos que cada aluno traga sua própria merenda”, emitiu a unidade em nota.

Entre as reivindicações dos servidores administrativos, está o reajuste no salário e no auxílio alimentação.

 

 

fonte: campograndenews
Espalhe por ai:

Veja Também

Conab estima produção de 49 mil toneladas de pluma de algodão em MS nesta safra

O número cresce a cada ano, mas ainda está longe de atingir o nível dos ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.