Home / Destaques / Estacionar no Centro deve subir 15%, de R$ 2,40 para R$ 2,78 neste mês

Estacionar no Centro deve subir 15%, de R$ 2,40 para R$ 2,78 neste mês

Valor do reajuste seguiu critérios do contrato e foi aprovado ontem pelo conselho de regulação da Agereg

Valor estadual da hora do estacionamento é de R$ 2,40 (Foto: Arquivo/Kisie Ainoã)

 

O estacionamento na região central de Campo Grande deve saltar de R$ 2,40 para R$ 2,78. O valor apresentado pelo conselho de regulação da Agereg (Agência de Regulação dos Serviços Públicos), nesta terça-feira, representa um aumento de mais de 15%, bem aquém do pleiteado pela Flexpark, responsável por administrar cerca de 2.100 vagas na cidade, que pediu R$ 3,50.

De acordo com o diretor-presidente da Agereg, Vinicius Leite Campos, a empresa entrou com o pedido de reajuste anual, em janeiro deste ano. Para o cálculo, foram considerados os critérios estabelecidos em contrato, assinado em 2002, para chegar ao valor de R$ 2,78. “Nós consideramos a inflação do período entre abril de 2017 até janeiro de 2020. Já que foi em abril de 2017 que foi concedido o último reajuste que temos registrado”, justificou.

Desde o ano passado, a Flexpark e a prefeitura estão em queda-de-braço na Justiça pelo valor cobrado pela hora do estacionamento. O valor de R$ 3,50, pleiteado neste ano pela empresa, considerou decisão favorável concedida, no ano passado pelo juiz Marcelo Andrade Campos.

Na época, ele acatou o pedido da empresa e determinou reajuste de 37,5% nos serviços, que colocavam o valor de R$ 3,30. A prefeitura recorreu da decisão e o caso ainda tramita.

A Flexpark alega que em 18 anos recebeu reajuste apenas quatro vezes, embora o contrato estabeleça revisão anual do valor.

Helion Porto, sócio-proprietário da Flexpark, afirmou que qualquer reajuste sancionado pela prefeitura será acatado pela empresa. “Está muito difícil para nós. Nós não vamos estar abrindo mão de qualquer reajuste”, explica. A esperança para ressarcimento de valores está na Justiça. “Ela vai deliberar no futuro se temos razão ou não”.

O empresário destacou que a empresa tem investido em tecnologia para facilitar o serviço de aquisição de horas para serem utilizadas no estacionamento. No futuro, eles esperam aperfeiçoar o serviço e o aplicativo ser capaz inclusive de indicar as vagas disponíveis para o motorista na região central.

 

fonte: campograndenews
Espalhe por ai:

Veja Também

MS tem 406 pacientes internados com a covid e Saúde pede “medidas restritivas”

Durante live, titular da Secretaria Estadual de Saúde pediu a gestores municipais medidas como toque ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.