Home / Destaques / Governo do Estado prorroga suspensão das aulas presenciais até 7 de setembro

Governo do Estado prorroga suspensão das aulas presenciais até 7 de setembro

As salas estão paralisadas desde março deste ano, quando começou a pandemia do coronavírus

Escola Estadual Joaquim Murtinho, em Campo Grande (Foto: Henrique Kawaminami – Arquivo)

O governo prorrogou a suspensão das aulas presenciais na rede estadual de ensino até o dia 7 de setembro, devido a pandemia do coronavírus, em Mato Grosso do Sul. Com o aumento exponencial de casos e mortes no Estado, trata-se de mais uma medida para conter a disseminação da doença.

O último decreto do governo previa a suspensão das aulas até o dia 31 de julho, faltando três dias para vencer este prazo, se decidiu em ampliar em mais um mês e dez dias a paralisação das aulas, que foram interrompidas desde março, quando a  pandemia chegou ao Estado.

Durante este período, a rede estadual tem disponibilizado aos alunos material impresso, aulas virtuais e transmissão de conteúdo na TV aberta, por meio de uma parceria com a TV Record, que inclusive foi renovada, para que continuem a exibição dos programas.

Neste mês, o governo também providenciou a compra de máscaras e termômetros para serem distribuídas nas escolas, que serão usadas por professores, alunos e funcionários, quando as aulas retornarem, após melhorar o cenário de pandemia no Estado.

No decreto publicado hoje (28) pelo governo estadual, também recomenda que as escolas municipais  e as instituições da rede privada também sigam esta nova suspensão das aulas até a primeira semana de setembro, para contribuir com as medidas contra o coronavírus.

A decisão se trata de mais uma ação do Comitê Estadual que foi criado para acompanhar a situação da saúde e economia de Mato Grosso do Sul, durante a pandemia, por meio do programa “Prosseguir”.

 

fonte: campograndenews
Espalhe por ai:

Veja Também

Escolas estaduais terão aulas presenciais e remotas no ano letivo de 2021

Protocolo de biossegurança foi anunciado para as atividades presenciais O Governo de Mato Grosso do ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.