Home / Destaques / Hospital Regional tem pacientes com Covid nos corredores e falta de medicamentos

Hospital Regional tem pacientes com Covid nos corredores e falta de medicamentos

Pelo terceiro dia consecutivo, Mato Grosso do Sul bateu o recorde no número de internados

Hospital Regional tem pacientes internados em várias alas – Foto: Bruno Henrique

 

 

Com o aumento nos casos confirmados de Covid-19, aumentaram, consequentemente, as internações pela doença. No Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, taxa de ocupação ultrapassou os 100% e já começam a faltar sedativos e antibióticos para os pacientes.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, sem leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) disponíveis, há pacientes internados em outras áreas do hospital, como em salas cirúrgicas e corredores.

“Vivemos o pior cenário da pandemia hoje no Brasil e em Mato Grosso do Sul. Hoje atingimos o topo de toda a pandemia em internações hospitalares, temos 725 sul-mato-grossenses internados”, disse o secretário.

A diretora-presidente do Hospital Regional, Rosana Leite, disse ao Correio do Estado que há o risco de falta de medicamentos, como sedativos, e já há falta de antibióticos para pacientes Covid desde dezembro de 2020.

“Está em falta porque não consegue comprar. A indústria alertou que está na capacidade máxima de produção”, disse.

Devido a pandemia, o uso por medicamentos utilizados no tratamento dos pacientes aumentou substancialmente em todo o País, enquanto a produção, mesmo na capacidade máxima, tem tido dificuldades para suprir a demanda.

Conforme Rosana, o estoque atual de sedativos dá para 20 dias.

Quanto ao oxigênio, fornecedores garantiram que não há risco de faltar em quantidade.

Resende destacou ainda há dificuldade de ampliação de leitos, devido a indisponibilidade de leitos para contratualização de leitos em hospitais particulares e recursos, incluindo humanos.

“Fizemos um peregrinação e apelos enormes e temos 12 novos leitos, sete na Clínica Campo Grande e cinco em Dourados. Para os próximos dias, teremos mais 30 leitos, e um esforço enorme para que possa acrescer aos já existentes, para que não falte a nenhum cidadão o acesso mínimo ao leito de UTI”, disse.

Nesta semana, diariamente o Estado tem batido recorde no número de internações por Covid-19.

Só no Hospital Regional, 43 pessoas deram entrada nessa segunda-feira (8), segundo a diretora-presidente.

Boletim

Mato Grosso do Sul já tem 189.155 confirmações de Covid-19, desde o início da pandemia. As mortes já contabilizam em 3.491. Recuperados já somam 175.429.

Nas últimas 24 horas, foram registrados 22 mortes e 888 casos.

Há 725 pessoas hospitalizadas, sendo 381 em leitos clínicos (260 público; 121 privado) e 344 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) (264 público; 80 privado).

 

 

fonte: correiodoestado
Espalhe por ai:

Veja Também

Conta de luz ficará até 8,9% mais cara em Mato Grosso do Sul, decide Aneel

O aumento será de 7,28% para residências e de 10,69% para empresas de 74 cidades ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.