Home / Destaques / “Não saiam às ruas”, apela Marquinhos Trad às pessoas com mais de 60 anos

“Não saiam às ruas”, apela Marquinhos Trad às pessoas com mais de 60 anos

Ao lado do procurador Alexandre Ávalo, o prefeito Marquinhos Trad falou de medidas adotadas nesta tarde. (Foto: Reprodução Facebook)

Na praça mais antiga da cidade, alheios ao clima de alerta geral provocado pela pandemia de coronavírus, os “velhilhos” seguem jogando seu dominó de todo dia na Praça Ary Coelho, na Avenida Afonso Pena.  A algumas quadras dali, o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD) apela: “Por favor, pessoas acima dos 60, 65 anos, fiquem nas suas casas, não saiam às ruas”!

A declaração  foi feito por ele ao anunciar, nesta quarta-feira (18) a decretação de estado de emergência em Campo Grande, por causa da evolução dos casos de contágio pelos vírus.
A medida inclui recomendação para fechamento de shoppings, parques de lazer e academias, além da restrição na frequência a bares, lanchonetes e restaurantes.

São sete casos de contágio pelo vírus confirmados na cidade e, conforme o prefeito, 200 pessoas aguardando a realização de exame para detecção da Covid-19.

Os idosos são considerados grupo de risco e por isso as autoridades estão orientando cuidado máximo com essa faixa etária. “É um pedido que não é do Marquinhos. É dos médicos e autoridades da saúde pública”, afirmou o prefeito em transmissão on-line no Facebook.

As transmissões foram adotadas para evitar aglomeração em entrevistas coletivas, como está sendo orientado.

Transporte coletivo – O prefeito fez o pedido aos idosos e explicou porque solicitou às empresas do transporte coletivo análise sobre a frequência da população acima dos 60 anos nos ônibus.

Caso não tenha sido verificada redução, as gratuidades serão suspensas, afirmou o prefeito.

De acordo com ele,  “a pessoa da terceira idade corresponde a 12 a 15%” do total transportado em Campo Grande.

Merenda – Marquinhos e o procurador-geral dos município, Alexandre Ávalo, explicaram ainda como será a distribuição de kit-merenda para os alunos da rede municipal.

Terão direito as famílias inclusas no programa Bolsa-Família, explicou, por estarem em situação de vulnerabilidade. Ávalo observou que essa foi a saída jurídica encontrada para a medida ter respaldo.

Diante de perguntas de seguidores, Marquinhos esclareceu não se tratar de entrega de cesta básica e sim de um kit para o aluno.

Impostos – Também em resposta a quem acompanhava a live, o chefe do Executivo respondeu sobre eventuais medidas relacionadas a pessoas que tiverem dificuldade de pagar impostos como IPTU e ISS. “

“Uma coisa é certa, a nossa preocupação não tem sido com encargos tributários e fiscais”, afirmou.

Sobre as medidas adotadas, para o prefeito, são necessárias diante de uma situação que surpreendeu o mundo. “Estamos sensíveis, estamos perplexos, mas estamos agindo sem qualquer prejuízo ao cidadão”, disse.

Em sua fala, disse que prefere pecar pelo excesso do que por não agir.

Confira na íntegra a transmissão on-line feita pelo prefeito.

 

fonte: campograndenews

 

 

Espalhe por ai:

Veja Também

Escolas estaduais terão aulas presenciais e remotas no ano letivo de 2021

Protocolo de biossegurança foi anunciado para as atividades presenciais O Governo de Mato Grosso do ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.