Home / Destaques / Parados em barreiras sanitárias, 22 com sintomas da covid são monitorados

Parados em barreiras sanitárias, 22 com sintomas da covid são monitorados

Testes rápidos deram negativo para a doença, mas ainda assim, Sesau os acompanha

Motoristas são parados e se apresentarem febre, são testados para identificar se estão ou não com covid-19. (Foto: Chico Ribeiro/Governo de MS)

Com foco em turistas, as 22 pessoas identificadas com febre ou outros sintomas de covid-19 nas barreiras sanitárias montadas nas cinco saídas de Campo Grande estão sendo acompanhadas pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) enquanto permanecerem na cidade.

Apesar do monitoramento, testes rápidos para detecção da doença, não identificaram tais pessoas contaminadas pelo novo coronavírus. Iniciadas ontem, as barreiras abordaram 8,2 mil pessoas e hoje, novo montante deve ser divulgado ao término das ações, às 18 horas.

Segundo o titular da Sesdes (Secretaria Especial de Segurança e Defesa Social), Valério Azambuja, o principal objetivo das barreiras “é identificar de onde estão vindo as pessoas, se são moradores de Campo Grande, ou se são turistas”.

Azambuja relatou que das pessoas abordadas e que apresentam sintomas suspeitos para covid-19, é feito cadastro, com preenchimento de fichas com nome, telefone, endereço, “para contato futuro e esses 22 suspeitos estão sendo monitoradas dentro de Campo Grande”, destacou.

Os dados mais atualizados  indicam 6,2 mil veículos higienizados entre ontem e hoje e 12.061 pessoas abordadas no mesmo período. As barreiras encerram às 18 horas nas saídas de Terenos, Cuiabá, Três Lagoas, São Paulo e Sidrolândia.

Segundo Azambuja, já amanhã, o prefeito Marcos Trad (PSD), após obter o balanço dos dois dias de ações, vai definir se as barreiras serão mantidas ou não.

 

fonte: campograndenews
Espalhe por ai:

Veja Também

MS tem 406 pacientes internados com a covid e Saúde pede “medidas restritivas”

Durante live, titular da Secretaria Estadual de Saúde pediu a gestores municipais medidas como toque ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.