Pessoas que tomaram a vacina contra gripe devem aguardar 2 dias para doar sangue

Vacinados com Pfizer, AstraZeneca e Janssen devem esperar 7 dias; prazo da Coronavac é de 2 dias

Quem é vacinado contra gripe deve aguardar 2 dias para doar sangue, recomenda Hemosul

Pessoas que tomaram a vacina contra gripe devem aguardar o intervalo de 48 horas para doar sangue, de acordo com o Hemocentro Coordenador de Mato Grosso do Sul (Hemosul).

Cidadãos que receberam a Coonavac -Sinovac-Butantan também devem aguardar apenas dois dias. Vacinados com AstraZeneca-Oxford-Fiocruz, Pfizer-BioNTech-Cominarty ou Janssen devem aguardar 7 dias.

É recomendado que quem deseja doar sangue, doe antes de se vacinar contra a Covid-19. O objetivo é proteger o doador, o receptor e a qualidade do sangue.

As orientações são do Ministério da Saúde, Hemosul e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A doação pode ser feita no Hemosul e Banco de Sangue da Santa Casa , localizados na Capital.

O Hemosul encontra-se na avenida Fernando Corrêa da Costa, número 1.304, centro e funciona de segunda à sexta-feira das 7h às 17h e no sábado, das 7h às 12h.

O Banco de Sangue da Santa Casa encontra-se na rua Rui Barbosa, 3.633, também no centro e funciona de segunda à sexta-feira, das 7h às 11h.

Critérios

Cidadãos devem seguir algumas exigências para doar sangue. São elas:

  • Ter entre 16 e 69 anos
  • Ter 55kg ou mais
  • Não ter tomado vacinas recentemente
  • Estar bem alimentado
  • Não tomar certos medicamentos (consultar um médico)
  • Não possuir determinadas doenças, como autoimunes, diabetes, hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis e etc
  • Homens podem doar até 4 vezes por ano; já mulheres, até 3 vezes por ano.
fonte: correiodoestado
Espalhe por ai:

Veja Também

Governo amplia vagas e destina R$ 3,8 milhões para atletas e técnicos de MS

Número de vagas aumentou 45%, de acordo com publicação no Diário Oficial desta quinta-feira   ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.